Em fatias...

 
 

Novidades mexicanas

 

Olá pessoal!

De volta das férias, ainda em marcha lenta, eis que trouxe, além da mala, uma "montanha" de fotos e muita coisa pra contar! Previsível, não? Riso

E, pra começar, já que tem gente bem curiosa (e com razão!), vou falar sobre coisas triviais, peculiares, algumas bobas, mas que, até então, eu nunca tinha visto!

Uma coisa que já tinham me comentado, mas eu não tinha "assimilado", é que os mexicanos comem gafanhotos! Os chapulines, segundo me disse uma cozinheira num dos hotéis, infestam naturalmente as plantações de alfafa e, então, são coletados para servir de alimento. Para nós, os seres humanos.

arquivo pessoal

Na Cidade do México e em outros Estados, eles são oferecidos nas feiras, ou mesmo por ambulantes, nas ruas, em cestos, repletos deles! Em restaurantes, como no caso deste hotel, ou em tendas de rua, podem ser cozidos em molho e utilizados como recheio de tacos, por exemplo... Não tive coragem de comer o bicho, assim, com olhos e pernas... Mas, dentro de um taco, sem ver, com a fome da manhã e pra experimentar o que nossos irmãos mexicanos tanto gostam... Foi! Mas só uma vez! Não senti nenhum sabor estranho... Nem remorso... Depois disso, considerei o ato como "missão cumprida" e nunca mais tive vontade de repetir! Pra que, né?  

Como compensação, acabei trazendo um gafanhotinho em madeira, todo colorido... Uma peça artesanal, tradicional, bonita e delicada. São esculturas conhecidas como alebrijes que tem partes móveis e representam vários animais. A Luma já tinha falado neles nos comentários do post anterior! Obrigada Luma!

E por falar de invertebrados comestíveis... Bem, visitando uma fabricação artesanal de Tequila/Mezcal aprendemos que o líquido que possui uma larva dentro da garrafa tem seu sabor melhorado e, portanto, é mais cobiçado e valorizado! Teve gente que não só bebeu da garrafa com o gusano, como até comeu a larva... Eu não, Deus me livre! Aih já seria demais!

Outra novidade na área gastronômica foi identificada na estrada... Numa das tantas paradas alguém do grupo encontrou outra coisa, até então, inédita! O Jugo de verduras, em latinha, exposto na mesma geladeira dos sucos e refrigerantes! O suco, na verdade, nada mais é do que uma sopa gelada... Ao primeiro gole, muito esquisito, mas, saboreando bem... Não é que era gostoso? Com baixíssimas calorias (50 cal para cada 240 ml) e baixo teor de sódio, era feito de tomate, cenoura, alface, aipo, espinafre, beterraba, agrião e salsinha. Um lanche respeitável e bem interessante... Fico me perguntando porque ainda não há uma coisa destas por aqui... Um lanche de consumo imediato e por que não dizer, saudável? Taí uma coisa que eu compraria se encontrasse nos nossos supermercados! Tem alguém aih que queira importar? Ou produzir? Olha ele aqui!


imagem da internet

Já num grande supermercado, o Chedraui, em Mérida, enquanto procurava a seção de higiene bucal, acabei encontrando nas prateleiras um sabonete hidratante à base de Leite de Burra! Isto mesmo! Até comprei um pra experimentar: tinha um perfume suave e uma burrinha desenhada na caixinha... Infelizmente, apesar da curiosidade, nem cheguei a testar a novidade, pois, com o cansaço da viagem, acabei esquecendo parte das compras ali no caixa mesmo! E não me dei conta! Horas depois, antes de dormir, quando fui procurar o fio dental que tinha comprado, é que me dei conta do "prejuizo"...  Não encontrava em lugar nenhum e, conferindo a nota do supermercado é que lembrei do sabonete! Até podia ter voltado pra buscar os dois, mas o cansaço era bem maior do que a minha curiosidade, e já que no dia seguinte levantaríamos bem cedo... Bem, acabei ficando sem os benefícios do sabonete! Descobri depois que o leite de burra é considerado muito bom pra pele mesmo... Vc sabia?

imagem da internet

Mas o Mèxico, claro, é muito mais! Boa parte da história do continente americano está lá; um dos mais importantes museus de antropologia está lá; ruínas, sítios arqueológicos importantíssimos, igrejas... Tanta coisa que, sendo impossível lembrar de tudo que vimos/ouvimos durante o tour, acabei trazendo, também, vários livros pra dar conta desta parte histórica tão rica! Mas o meu preferido é este aqui:

imagem da internet

Ele trata justamente de um assunto sobre o qual já tinha comentado aqui há um tempo atrás... Ainda quero, um dia, voltar lá bem na data, pra ver de perto os festejos do Dia de los Muertos!

E, antes que eu me esqueça, um item que sempre levo quando saio do país (até pra Rivera!) é justamente um dicionário! Por mais simples que seja (afinal tem que ser fácil pra carregar!), "quebra um galho" enorme, tanto para o turista quanto para o "local"!  Por mais que eles se esforcem (e a maioria dos mexicanos é muito simpática!) nem sempre eles nos entendem ou conseguem passar para o "portunhol" o que querem nos dizer! Até uma das guias locais acabou fazendo uso do meu "amansa-burro"! Era uma francesinha que fazia o receptivo em Mitla - numa viagem, acompanhando turistas franceses, conheceu um guia mexicano... Se apaixonaram e, ela, que já era apaixonada pela cultura/história mexicana, acabou voltando outras vezes até ficar por lá com o seu par. Isso já faz mais de 5 anos e ela fala o espanhol quase sem sotaque! No final do dia contou que estava grávida. O turismo também tem destas surpresas! Pode mudar a vida da pessoa por completo! 

Mas voltando aos dicionários, vejam o que eu encontrei no retorno: Diccionario Breve de Mexicanismos. Sem dúvida, uma preciosidade! Se vc pretende ir ao Mèxico, guarde o link! 

Bom, este post já está grande demais... Encerro por aqui. No próximo, vou contar pra vcs a experiência mais mexicana que tivemos durante toda a viagem: presenciar uma seleção de touros e, depois, assistir a uma tourada!

Enquanto isso, se quiser saber algo específico, é só perguntar... Posso adiantar algum tópico!

Bjs e até!

 

 


Share

 

Improváveis, insanos e amáveis


imagem da internet

Ontem saí do cinema embasbacada, estarrecida, abismada! Fui assistir ao mais novo filme do Almodóvar, A pele que Habito, e fiquei chocada... Como alguém que tem idéias tão absurdas, tão improváveis, pode andar por aih, solto pelas ruas? Sim, cheguei à conclusão que ele "pirou de vez", "saiu da casinha", se é que algum dia esteve lá! Bem, sabendo que o filme é baseado em um livro que não li (TARÂNTULA - THIERRY JONQUET), não sei qual dos dois é o detentor de idéias tão esdrúxulas: se o autor original ou o diretor do filme... Sou suspeita, porque adoro o Almodóvar, tanto que fiquei preocupada mesmo... Fico imaginando que, se eu tivesse 1/10 de idéias deste tipo e muita coragem para manifestá-las, e de certa forma, dar asas a esta fértil imaginação, eu já estaria trancafiada num hospício...

Apesar de ser um drama ficcional bem pesado,  algumas pessoas sairam gargalhando do cinema, tamanho o absurdo do roteiro! Por isso eu recomendo: não percam este filme! O genial diretor está conseguindo se superar, e eu nem sei mais o que podemos esperar do próximo filme... Enquanto o absurdo ocorrer nos limites da "telinha", ou "telona", no caso, está de bom tamanho, pois pode provocar diversas reações no público, coisa salutar... Mas torço para que jamais passe disso!!!!

imagem da internet


E, já que estamos falando em supostos absurdos, há 3 anos atrás, exatamente no dia 15/11/08 também cometi um ato insano, imprevisível e improvável, embora de impacto quase nulo: criei este blog! Não "estava no script", nunca tinha pensado nem planejado isso, mas num ímpeto, batizei, cadastrei e nasceu esta pequena "padaria virtual". Que andou bem até o ano passado, e me rendeu belas amizades neste mundo virtual... Me abriu as portas do maravilhoso e interessante mundo da blogosfera, cheio de idéias e pessoas interessantes mas também de coisas dispensáveis... Aprendi a separar o joio do trigo, a gostar (muito mesmo) de gente que nunca vi e a "passar batido" por coisas que nem merecem ser lidas e muito menos rebatidas ou incentivadas.

Só que esta "pobre padaria", nos últimos tempos, está numa penúria só!!! Não tem "pão" quase, as "fornadas" estão cada vez mais escassas, a "gerente" - com o tempo cada vez mais curto - e as idéias -  o gérmen do trigo que faz o pão -  onde estão???  Afinal, uma blogueira sem idéias ou ânimo é padeiro sem farinha, farinha sem fermento, forno sem lenha... Massa pronta precisa de tempo pra crescer, ter volume e sabor... Do contrário não dá pão bom!!! E, como todo o bom padeiro - queremos oferecer o melhor pra ilustre clientela.

E é justamente ela, A CLIENTELA  - formada por amigos reais ou virtuais extremamente amáveis e gentis, garimpados neste período - que garante a sobrevivência deste espaço! São vocês que me fazem voltar aqui! Por isso, e pra não deixar em branco uma data, de certa forma importante, deixo aqui meu agradecimento e meu pedido de desculpas pela pouca frequencia, tanto aqui quanto nos seus blogs! E podem ter uma certeza: o "produto" não anda saindo toda hora, mas a matéria prima é de primeira! :o)) E hoje o pãozinho tem sabor doce, pois é de aniversário!!!

O presente relativo à data já recebi de manhã: um recado do @rafealramosf no TWITTER: 

@carlabacedo puuutsss que saldade de um pão heins..... Saudades mesmo é de ti Carla. Uma ótima noite heins
Nov 12, 9:12 PM vía web

Viu só? Também atendemos por encomenda!!!

Bjs e até a próxima!!!


 


Share

 
 

doce e agridoce


O doce:

Grande, gorda, feia, mal-humorada, espinhosa...
Às vezes, as pessoas podem ser (ou estar!) assim!
Nem por isso deixam de gostar de carinho, pelo contrário!
Vejam que fofura espinhosa e delicada neste vídeo!

 

 


O agridoce:

Tenho o prazer de informar que a Dell, como grande empresa que é, tomou as providências necessárias para satisfazer esta cliente! Enviou um representante até minha casa para resolver os problemas do note!
Agradeço ao representante de vendas que encaminhou a minha demanda aos canais realmente competentes!
Assim, considero esta novela encerrada!
(Acho que meus aguçados espinhos cumpriram seu papel!)

Bjs e até! Acho que a partir de agora posso postar com mais frequência!


Share

 
 

do contra

 


Hoje é o Dia Mundial de Luta contra o Tabaco!
No meu meio, felizmente, cada vez menos gente fuma... Ainda assim,  cigarro e assemelhados persistem, empestando o ar e o interior dos indivíduos, aumentando as filas do SUS só pra falar no óbvio.
E, claro, a maioria dos mais velhinhos que passam por aqui vai se recordar desta melodia, cuja letra foi adaptada para alertar para os males do cigarro.
Eu adorei o resultado, por isso posto aqui!!!
Divirtam-se, e, se for o caso, larguem o cigarro enquanto é tempo!


 




E como tive um dia difícil (sim, afinal é segunda!), pra não parecer que sou do contra, deixo aqui uma dica de cinema: A alma do osso, profundo, sensível e bonito. Nâo dá pra perder. Pra saber mais clique aqui.

Bj e até!

 


Share

 
 

Café, livros e convites

 

http://www.ibge.gov.br/ibgeteen/datas/cafe/imagens/cafe1.jpgAmanhã é o Dia Nacional do Café!
Segundo a ABIC - Associação Brasileira da Indústria do Café - a data está no Calendário Brasileiro de Eventos desde 2005 e comemora o início da época da colheita do grão.
O Brasil é o maior produtor e exportador mundial de café e o segundo maior mercado consumidor. 93% dos brasileiros consomem esta que é uma das mais antigas bebidas do mundo.
De acordo com a Revista Cafeicultura,
as primeiras mudas da planta foram trazidas da Guiana Francesa para o Pará em 1727, pelo oficial português Francisco Melo Palheta (http://www.revistacafeicultura.com.br/index.php?tipo=ler&mat=6245).
Desde então, o café gerou riqueza e, até os anos 50, respondia por mais de 60% das divisas do país.
Além da importância econômica, o café inspirou grandes artistas como Cândido Portinari, Tarsila do Amaral e Djanira.     Lavrador de café -  Candido Portinari, 1924
O café dá nome à nossa principal refeição do dia (o imprescindível café da manhã, na maioria das vezes, acompanhado de um pãozinho, claro)...
Sem exageros, o café faz bem à saúde, é estimulante, aquece os dias frios, e complementa, com chave de ouro, o almoço.
É uma bebida social, pretexto para uma boa conversa ou uma pausa no trabalho, já que ninguém é de ferro!
E embora o sabor do café seja delicioso, muitas vezes basta sentir o cheirinho pra que a gente já se sinta satisfeita.
Portanto, deixo aqui um convite aos amigos: vamos tomar um café amanhã??
Quem aceitar o convite volta aqui depois e deixa registrado: onde, com quem e que tipo de café tomou!
Combinado??


 MEMES são selinhos que envolvem tarefas, perguntas/respostas, enfim, uma simpática brincadeira entre blogs/blogueiros amigos.

 

    Este aqui recebi da Andréa – http://rascunhosdeandreavaz.blogspot.com – (obrigada , menina!! Bj!!) e as regras são as seguintes: 

 - Agarrar o livro mais próximo.

- Abrir na página 161.

- Procurar a quinta frase completa.

- Colocar a frase no blog.

- Repassar para outros cinco blogs.  

 

Então, eis o tema de casa completinho: 

Livro: Organize-se - Soluções simples e fáceis para vencer o desafio diário da bagunça

Autora: Donna Smallin; Editora Gente; 4 ª Ed.; 2002 

A 5ª frase completa da pg 161: "Tente fazer alguma coisa de que realmente goste e para a qual não tem tido tempo." 

Os contemplados - a quem eu convido para brincar:  :o))) 

Luciana - Perfume de Afrodite – http://perfumedeafrodite.zip.net/

Roberta – Faceira - http://www.faceira.blogspot.com/

Paulo – Blog de Paulofluffy – http://medeiros.paulo.zip.net/

Vera – Cozinha Natureba - http://www.cozinhanatureba.blogspot.com/

Carissa – Meu mundo - http://carissavieira.zip.net/

Depois vou visitá-los pra matar a curiosidade sobre a pg 161!!! 

Bj e boa semana a todos!!!

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                             

 

                                                                                                    

 

 


Share

 
 

Apêndice, dívida e festa

 

O apêndiceImagem da Internet

Semana passada estava de plantão. Chamado de plantão de prontidão, é quando a gente
fica com o telefone celular da Equipe, do final da tarde de uma sexta feira, até a sexta seguinte.
Em períodos normais, é tranquilo, e o celular toca eventualmente. Em períodos excepcionais,
(e eu nunca tinha passado por isso), não para de tocar!!!
Fiquei uma semana em volta dele, pensando nele, cuidando dele, grudada nele, olhos e ouvidos em cima dele...
Tocou sábado à tarde, à noite (Cruel, não me deixou assistir a Cia de Dança da Déborah Colker, me fazendo sair do teatro
umas 4 vezes durante o espetáculo, que por sinal acabou antes que eu retornasse à plateia)!
Tocou domingo todo o dia, na madrugada de segunda...
De vez em quando, eu olhava pra ele e, em tom ameaçador, dizia: calado!!!
Até na hora do banho ele ia junto, pois, como efetivamente aconteceu, tive que sair do chuveiro pra atender
à emergência...
Uma semana sem academia, sem natação...
Compromisso contagioso, até a minha fisioterapeuta ofereceu uma tomada quando o dito cujo começou a reclamar da bateria
no meio do atendimento!!!
Cada chamada, gerava, pelo menos, duas ou três ligações a mais, para encaminhar as pendências, e eu estava já meio penalizada,
e solidária com os demais plantonistas com quem contatava!
Mas tudo bem, ossos do ofício; se a gente pode fazer a diferença, façamos!
Finalmente, a semana acabou e eu passei adiante a tarefa...
Mas, na hora H falei pro pessoal: depois de uma semanda destas, acho até vou sentir falta deste celular!
Ficava grudada nele e ele em mim... Era praticamente um apêndice!!!


A Dívida

 

Mês passado transcrevi, de memória, uma frase que li na janela do ônibus. Frase inteligente,
que me chamou a atenção e me veio à cabeça num momento tocante. Mas, já sabia que não era bem daquele jeito
e não lembrava do autor... Agora transcrevo certinho, como prometi:

Midas
A memória é um Midas.
Transforma em agora todo o passado que toca.

Fonte: Poemas nos Ônibus - 16ª edição
Autor: Anderson Santo
s

 


 

Festa! 

Vamos comemorar??

15 de maio! Este espacinho está completando 6 meses!
Pouco tempo, quase nada... Mas muito pra quem começou por impulso e sem qualquer pretensão...
Antes de me converter em blogueira, não tinha qualquer noção sobre a "coisa"!  Cara de pau, não?
Logo depois, descobri que um blog não existe por si mesmo, não se basta, não se esgota.
Ele existe pra se relacionar com os outros blogs, com seus autores, com os amigos e turistas da blogosfera!

Como o pão, que precisa da farinha, que precisa da água, do sal, do fermento, do forno - e da mão do padeiro - 
um blog não se faz sozinho, precisa do olhar, da interpretação, da mente, da crítica, da condescendência
e do carinho do visitante.
E também do comentário generoso, ainda que discordante ou desafiador, daquele que dá o ar da sua graça!!
E, se esta "padaria" tem agradado a sua seleta freguesia, é porque dela recebe o fermento da atenção
e/ou a discreta e quase imperceptível - mas indispensável - pitadinha de sal e açúcar que garante o sabor
e o crescimento da massa!

Imagem da InternetA cada um de vocês que passa por aqui agradeço pela oportunidade de manter as portas, a cabeça e o coração abertos!

E, pra incrementar a festa, um pedacinho de bolo pra comemorar!

Ah, e se a padaria é virtual, o bolo também é: não tem calorias e não engorda!!!

 

 

 

 

 


Share

 
 

Pedacinhos

 

Primeiro pedaço

Uau, bem disse a Deka (que saudade do teu blog, menina!) que blogar vicia...  Estou inveteradamente viciada...Esse fui eu que fiz!!
Sinto falta quando não posso atualizar esta "bodeguinha", e me sinto em falta com aqueles que procuram e não acham
"um pão quentinho" por aqui... Ah, mas hoje tem até o café!!! Rindo a toa
É que estou tendo muuuuito trabalho; meu dia precisaria ter pelo menos 30 horas pra dar tempo pra tudo... Mas só tem 24
e não sobra tempo nem pra visitar os blogs dos amigos e nem pra ler os e-mails que chegam... Me perdoem!!!!
Espero que na próxima semana as coisas fiquem mais fáceis!!!


Segundo pedaço

Não sou dada a escrever poemas ou coisas do gênero, (isso acontece muito raramente) mas bem que eu precisava de uma semaninha
mais folgada ou simplezinha... Daí, enquanto me atirava no banco do ônibus, num final de tarde desses, o cérebro começou a
ferver, e lançar algumas lavas que consegui guardar até chegar em casa... Eis o texto ainda quente:


O Imposto é SIMPLES.
A fórmula da água é simples.
Um sorriso espontâneo é simples.
O pôr do sol é, luxuosamente, simples.
A roda é simples.
A felicidade é simples consequência.
O silêncio é simples.
O fogo é simples.
Dialogar é simples.
A verdade é simples.
Amar é simples.
O respeito é simples.
Sonhar é simples.
Simplicidade é tudo.
Viva a simplicidade!
Seja simples.
Simplifique. Simples fique!


Imagem da InternetTerceiro pedaço

Boas Novas! Pois não é que a minha câmera já está de volta?
Aparentemente perfeita, foi e voltou em menos de 15 dias!
E me custou apenas o valor de ida do Sedex!
Puxa, às vezes o consumidor tem vez mesmo!!

 

 


Share

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
Meu Perfil
BRASIL, Sul, PORTO ALEGRE, Mulher
    Visitante número:



     






    Na fila...


    from gifmania



    PÃO PRA QUEM PRECISA!







    CONTROLE DE QUALIDADE


    UOL


    GOSTOU? DIVULGUE!














    PROVEI E GOSTEI!


    TERTULIA VIRTUAL





    OUTRAS DELÍCIAS!


    Arruma Blog


    Blog do Rafa



    Arruma Blog









    OBRAS JURÍDICAS?





    www.flickr.com
    Esse é um módulo do Flickr que mostra fotos e vídeos públicos de Carla Bacedo. Faça seu próprio módulo aqui.






    Carla Bacedo

    Criar seu atalho



    SEU COMENTÁRIO É O MELHOR FERMENTO!




    Na gerência





    A Clientela







    APROVADO!




    Central Blogs


    BlogBlogs.Com.Br


    Divulgue seu blog!
    Meu código:3870


    Technorati Profile


    Add to Technorati Favorites






    Ver!